Anos de Os Deuses Mortos

VIII Oito Anos de Os Deuses Mortos

quinta-feira, 8 de março de 2012

Pesquisa Datafolha: Serra sobe nove pontos e lidera pesquisa em São Paulo



O crescimento de Serra não é nenhuma surpresa. Nas pesquisas iniciais, ainda quando o tucano negava sua participação o colocavam em primeiro lugar. A participação de Serra nas eleições é dada como certo. Ninguém espera que José Anibal ou Trípoli ganhem as prévias. A candidatura de Serra trás possíveis ganhos e percas no PSDB.

Ganhos: A prefeitura de São Paulo é um cargo estratégico visando o palácio do Planalto, governar cidade e estado é fundamental parra arrecadar votos; com Serra prefeito e Alckmin governador as portas ficam abertas para Aécio Neves e quem sabem uma aliança entre tucanos mineiros e paulistas. Alckmin e Aécio acenam com esta possibilidade, o principal empecilho seria Serra.

Percas: Seria a segunda vez que José Aníbal abdicaria de uma candidatura em pró de outro nome, o PSDB corre o risco de perder um importante político, como aconteceu com Zulaê Cobra Ribeiro, outro risco é o de ficar datado como um partido de um único nome ficando assim atrás do PT que bem ou mal vem se renovando.

Voltando a pesquisa não é surpresa ver Serra arrancando desta forma a final ele é o candidato mais conhecido, segundo mesma pesquisa, 99% da população o conhece o que surpreende é que mesmo liderando a pesquisa na espontaneidade - ou seja aqueles que dizem votar nele sem ver os outros possíveis candidatos é de apenas 12% dos entrevistados.

Está muito cedo para fazer qualquer análise, porém a principal arma de seus adversários será a renúncia de Serra na primeira prefeitura. Quando votei em Serra para prefeito de São Paulo o fiz ciente que ele abdicaria, muitos não pensam assim segundo a pesquisa 66% acreditam que Serra irá se afastar da prefeitura em 2014 para concorrer a presidência contra 24% que não acreditam e 10% que não sabem - estes 10% podem encorpar os 66% e virarem votos contra José Serra.

A "boa notícia" para os tucanos é que 76% dos entrevistados sabem que Serra abandonou a prefeitura e mesmo assim ele lidera a prefeitura, sua rejeição caiu de 33% para 30%. Tais índices revelam que apesar do eleitorado não aprovar sua atitude estão dispostos a votarem nele.

O que os tucanos não podem fazer é ficarem animados pois Fernando Haddad tem muito a crescer ainda, mesmo estando em ultimo lugar, com 3% das intenções de voto, a campanha do PT tem sido muito boa (e a do PSDB muito ruim) com o apoio de Lula e o maior tempo na televisão o ex-ministro pode subir muito - apenas 10% associam seu nome ao de Lula.

A favor de Haddad está o fado de seus principais divisores do voto Netinho PC do B; Paulinho do PDT e Soninha do PPS tenderem a perder votos outro ponto favorável é se o PT conseguir tornar esta uma campanha entre Serra e Lula, onde o segundo, por seu populismo, leva vantagem.

Contra Haddad está o fato de marta Suplicy ainda não ter engolido a preferência de Lula por Haddad e pode apoia-lo apenas como uma obrigação partidária; uma das principais plataformas do petista é o PróUni, infelizmente para Haddad os universitários não são ignorantes como o povão do bolsa família e apenas 3% dos que tem curso superior votam nele outro fator negativo é que 41% do eleitorado o conhece - o número é expressivo e mesmo relativamente conhecido o candidato não dispara.

Dentre os "outros" o que mais chama atenção é Chalita do PMDB, que vem crescendo na pesquisa e tem o segundo maior tempo na televisão. Chalita consegue roubar votos de Serra e Haddad. O filósofo está em segundo lugar dentre os que tem ensino superior oscilando entre 16% e 26% (o primeiro é Serra que oscila entre 40% e 43%) ao mesmo tempo Chalita e Haddad tem formações e perfis muito parecidos porém o pemedebista está a frente das pesquisas e apesar do PMDB e do PT serem aliados no planalto Chalita é amigo pessoal de Alckmin e estaria mais próximo do PSDB de São Paulo do que do PT lulista.

Dos outros candidatos Russomano continua subindo nas pesquisas, foi de 17% para 19% ainda acredito que com o início da campanha sua popularidade caia e seus votos devem ir para Serra; Netinho vem caindo nas pesquisas e tem a maior rejeição de todos os candidatos 40% o mesmo deve acontecer com Paulinho do PDT - principal "papa-votos" de Haddad estacionado nos 8% e Soninha que não passa credibilidade ao eleitorado que a vê como "muito menininha" caiu para 7% já D´Urso do PTB e Levy Fidelix do PRTB somam 1% cada e em nada interferem na disputa.

A pesquisa Datafolha foi realizada entre os dias 1 e 2 de Março com 1.087 pessoas e a margem de erro é de 3 pontos para mais ou para menos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...