Anos de Os Deuses Mortos

VIII Oito Anos de Os Deuses Mortos

segunda-feira, 30 de julho de 2012

E o homem criou Deus


E Deus criou o homem... Ou teria sido o contrário? O homem criou Deus em uma tentativa de auto entendimento? O dito criador do céu e da terra é descrito como pai e pintado como um ser onipresente e onisciente que exige nossa devoção.

A religião possui um importante papel na manutenção de nossa sociedade e de alguma forma prega a manutenção da vida. O problema é quando a religião se torna o centro da vida e este ser mitológico chamado Deus passa a ser o único portador da felicidade.

Sempre que falarmos de sociedade temos que ter em mente um embate entre natureza e cultura: toda a criação humana é uma transmutação da natureza, imposta a maioria das pessoas que já nascem inseridas nesta cultura e ajudam a sustenta-la. Somos todos criadores e criaturas da cultura em que estamos inseridos. Mas o que isto tem a ver com Deus?

Deus é descrito como pai, então vamos olhar para o verdadeiro pai, quem nos cria, ou melhor, dizendo para os nossos pais. São eles que nos apresentam a sociedade, suas crenças e as normas da sociedade. Estas normas são atribuídas a algum poder divino para evitar contestações e humanizar as proibições comuns ao mundo humano porem inexistentes na natureza.

Nós acreditamos sermos superiores, únicos e onipotentes, a imagem de Deus favorece está crença. Se somos os únicos seres racionais e os únicos a habitar o universo significa que fomos escolhidos por Deus, assim precisamos deste ser mitológico para bancar nossa ilusão e disfarçar nossa impotência. Nas palavras de Freud “todas as doutrinas religiosas são falsas”, porém não erradas, o pai da psicanálise afirma que a religião é necessária para garantir uma ordem social.

A presença de Deus pode ser contestada, porém é impossível provar que ele existe, assim como é impossível provar que ele não existe, pois este é o mecanismo de funcionamento de uma ilusão, ele não precisa da realidade para confirma-lo A ilusão é uma função, ela alimenta a necessidade do homem acreditar em alguma coisa, revelações acerca da não existência de Deus são inúteis para os crentes, pois eles precisam da religião. Mas e os ateus? Estes acreditam na ciência e por mais que o pensamento cientifico seja possível de ser comprovado acreditar na ciência é um crença.

Então porque questionar Deus? Simples a ciência é imparcial e tem o dever de fazer perguntas e buscar esclarecimento. Outro ponto importante é denunciar os malefícios da fé a religião mal praticada impede o desenvolvimento da sexualidade, prega a discriminação contra o homossexualismo, evita questionamentos a angustia que nasce do embate entre o mundo natural e o humano e ainda transforma os desejos em pecado.



“O ultimo cristão morreu na cruz” (Nietzsche). 


quinta-feira, 26 de julho de 2012

Kanda Midori


Midori é uma autêntica cosplayer japonesa, com milhares de admiradores pelo mundo, sendo admirada principalmente por outros praticantes que vêm nela um modelo a ser seguido por seu profissionalismo, dedicação e interpretação das personagens. Outra curiosidade sobre a Midori é que a moça gosta de fotografar suas mãos e pés.

Antes de prosseguir vale fazer uma pausa e explicar rapidamente o que é cosplay. A palavra cosplay vem da junção das palavras costume + Palyer e significa muito mais do que se vestir como sua personagem favorita, mas sim se caracterizar o assim os cosplayer (aquele que pratica o cosplay) se transforma na personagem que está customizado, para saber mais leia o post “O Cosplay”.

Voltando para Midori a moça nasceu na cidade de Kanagawa, em 24 de Setembro (ela não revela a idade), tem 1.61 cm de altura, para uma japonesa ela é alta, seu evento favorito é o TFT.

Seu primeiro cosplay foi da Asuka Langley Soryu de Evangelion. “Quando eu tinha uns 12 ou 13 anos, eu vi Neon Genesis Evangelion pela primeira vez. Foi chocante por causa das personagens. Comecei a fazer cosplay porque eu gostei muito da Asuka, mas fazer o traje e a maquiagem foi muito difícil”.

A perfeição de suas personagens vem de sua dedicação, desde seu primeiro cosplay Midori sempre se dedicou ao máximo a suas criações “eu realmente queria retratar sua personalidade direito (Asuka). Então, acho que posso dizer o mesmo sobre todas as personagens que eu faço cosplay”. É por esta dedicação e perfeccionismo que Midori conseguiu se destacar no universo cosplay em apenas quatro anos.



Alguns de seus cosplays

Airi (Queens Blade)


























Asuka (Evangelion)































Busujima Saeko (HSOD)





segunda-feira, 23 de julho de 2012

Alonso, sempre Alonso


E o campeonato de Fórmula 1 segue como um dos mais emocionantes da história, as vitórias alternadas pararam e chegou a hora de “separar homens de meninos” sigo com minha opinião inicial de que existem três pilotos que estão acima dos demais na categoria o alemão Sebastian Vettel, o inglês Jason Button (que não vem fazendo uma boa temporada) e o destaque deste post Fernando Alonso.

O espanhol vem provando que é o melhor piloto destes que estão competindo, você pode perguntar, mas e o Schumacher? O alemão foi o melhor piloto, hoje ele já não é mais o mesmo e está próximo do final de sua carreira. Eu respeito muito o “Schumi”, porém seu tempo já passou. Seu compatriota da Red Bull poderia ser colocado como melhor piloto da atualidade, recentemente Alonso vem provando ser um pouco melhor que Vettel.
Muitos criticam Vettel dizendo que ele foi bicampeão só por causa do carro. Estamos falando de um piloto que foi o melhor do mundo por duas vezes, sim seu carro era melhor que os demais, porém só no segundo título e não adianta nada ter um super carro se não tiver alguém com talento por trás. Neste campeonato onde estão todos equilibrados a Ferrari é a pior das três equipes e mesmo assim o espanhol lidera e vem dando espetáculo a cada corrida.

A pergunta a ser feita é Alonso será campeão? Difícil dizer, a temporada está muito competitiva o que alterna os demais desportistas Hamilton é um ótimo piloto e teve chances de ultrapassar o espanhol durante a temporada, mas a falta de sorte e seu instinto de “vaca brava” o impediram de ir mais longe, Vettel não vem rendendo o que poderia, assim como Button. Já Webber não é confiável. Felipe Massa está muito atrás e os pilotos da Lotus não tem um carro que empolgue a ponto de conquistarem um título. Grosjean vem sendo uma boa surpresa, mas não o vejo como campeão já Raikkonem está fazendo uma temporada exemplar (considerando os anos de ausência na categoria), porém não tem nenhuma vitória no ano, ai fica difícil.

E quanto ao futuro de Felipe Massa?

Agora um post dentro do post: é importante falar do Massa em uma comparação entre os dois pilotos da Ferrari Alonso é melhor, o brasileiro vem amargando uma má fase desde o acidente com Rubinho, nesta situação a diferença entre os dois que não era insignificante se expande, o demais são histórias fora contexto e paranoias do mala Galvão Bueno que tenta “endemoniar” a Ferrari. Felipe Massa não vem bem e Alonso está sobrando nas pistas.
Recentemente Massa afirmou pensar em seu futuro na F1 longe da Ferrari, quem pensa não é ele, mas a equipe que quase demitiu Massa durante a temporada segundo Flavio Gomes, somente a reação de Felipe o manteve no emprego pois Massa poderia não apenas perder seu emprego na Ferrari como ficar fora da categoria devido ao péssimo começo de temporada.

Classificação:

      Pilotos (país/equipe) – Pontos
1-      Fernando Alonso (Espanha/Ferrari)– 154
2-      Mark Webber (Austrália/Red Bull)– 120
3-      Sebastian Vettel (Alemanha/Red Bull)– 110
4-      Kimi Raikkonen (Finlândia/Lotus)– 98
5-      Lewis Hamilton (Inglaterra/McLaren) - 92
6-      Nico Rosberg (Alemanha/Mercedes) – 76
7-      Jason Button (Inglaterra/McLaren) – 68
8-      Romain Grosjean (França/Lotus) – 61
9-      Sergio Pérez (México/Sauber) – 47
10-   Kamui Kobayashi (Japão/Sauber) – 33
11-   Pastor Maldonado (Venezuela/Williams) – 29
12-   Michael Schumacher (Alemanha/Mercedes) – 29
13-   Paul di Resta (Inglaterra/Force India) – 27
14-   Felipe Massa (brasil/Ferrari) – 23
15-   Nico Hülkenberg (Alemanha/Force India) – 19
16-   Bruno Senna (brasil/Willians) – 18
17-   Jean-EricVergne (França/Toro Rosso) – 4
18-   Daniel Ricciardo (Austrárlia/Toro Rosso) – 2
Campeonato de Construtores

Montadora motor - pontuação
1-      Red Bull Renoult – 230
2-      Ferrari – 177
3-      McLaren Mercedes – 160
4-      Lotus Renault – 159
5-      Mercedes – 105
6-      Sauber Ferrari – 80
7-      Williams Renault – 47
8-      Force India Mercedes – 46
9-      Toro Rosso Ferrari - 6

quinta-feira, 19 de julho de 2012

Top 10: As atrizes mais lindas dos filmes de terror


A gata deste mês é ninguém menos que a scream queen Cerina Vincent,desta forma eu não podia deixar de fazer um post especial e listar as atrizes mais lindas e por que não gostosas do cinema de terror. Afinal o que seria do terror se não fossem as belas atrizes que fogem seminuas de algum assassino? Veja abaixo a lista das 10 mais.


Bobbi sue Luther
 Esta loira é modelo e atriz, não fica difícil de imaginar porque ela caiu no gosto dos espectadores. Bobbi nasceu no dia 27 de agosto de 1978 em Anápolis. Como modelo ela já foi capa de revistas como Maxim, FHM e Playboy, no cinema atuou em “Laid to Rest” e “Noite dos Demônios” onde teve seu maior destaque no cinema vestindo uma roupa de gatinha e se transformando em demônio, depois de ter seu rosto arrancado. Sutil!

Veja: “Noite dos Demônios”





Fuja: “Gigolô Europeu por Acidente”





Esta Italo americana natural de Las Vegas, nascida em 7 de Fevereiro de 1979 começou sua carreira como modelo ainda na adolescência, depois migrou para o cinema, não sem antes viver Maya em Power Rangers Galáxia Perdida. Cerina chamou atenção logo em sua estreia no cinema na comédia “Não é outro besteirol Americano” e foi lograda a condição de Scream Queen em “Cabana do inferno”. Desde então ela vem se aventurando pelo cinema alternativo, porém sempre que pode retorna ao terror onde já viveu uma policial, uma guarda florestal e uma vilã.

Veja: Cabana do inferno

Fuja: Amaldiçoada



De todas as garotas desta lista Danielle foi quem estreou mais cedo no universo do terror. Nascida na Flórida em 1a de junho de 1977 Dani já fugia de Michael Mayers aos 11 anos de idade em “Halloween 4” depois da quinta parte da saga de Mayers Dani ficou sumida por algum tempo atuando em filmes de ação e infantis até ser convocada por Robie Zombie para sua refilmagem de Halloween. A partir dai a moça aproveitou cada minuto de sua carreira estrelando uma série de Produções e assumindo o posto de principal Scream Queen do cinema.

Veja: “Halloween 4”, “Halloween” de Robie Zombie e “Cyrus na Mente de um Assassino”

Fuja: “Halloween 2” de Robie Zumbi



Diora é natural de Miami, nascida em 1983. Filha de uma modelo Diora sempre foi incentivada a seguir a carreira artística. Aos 17 a loira mudou para Los Angeles onde foi capa de várias revistas incluindo a Maxim e a Playboy. Sua primeira grande chance no cinema foi em “Penetras bons de bico” de 2005. Bastaram alguns minutos em cena para chamar atenção do público, em seguida vieram os filmes “Massacre da Serra elétrica O Início” e “A Noite dos Demônios” e a sátira aos filmes de terror “Stan Hellsing”.

Veja: “Massacre da Serra Elétrica” e “Noite dos Demônios”

Fuja: “30 Dias de Noite 2”


Eliza Dushku

Nascida em 30 de Dezembro de 1980 em Boston esta linda morena veio do universo televisivo, mais especificamente da série “Buffy A caça vampiros” onde viveu Faith a caça vampiros vilã. Eliza chamou tanta atenção que ganhou sua série própria “Tru Calling”. Sua estreia no cinema se deu aos cinco anos ela tropeçou e quebrou o nariz durante uma audição, chamando a atenção de todos presentes. No universo terrorífico esta bela morena estrelou “Pânico na Floresta” e “O Assassino do Asfalto”. Suas marcas registradas são a personalidade forte e a atuação intensa em todas as suas personagens.

Veja: “Pânico na Floresta”

Fuja: “Jogo Macabro”





Felissa Rose

Chegou à vez da veterana da turma, Felissa nasceu em 23 de maio de 1969 em Nova Iorque, a moça sempre teve vocação para o estrelato e quando descobriu que não tinha talento para o canto ela voltou suas atenções para cursos de interpretações. Aos 13 anos a morena foi escolhida para participar do filme “Acampamento Sinistro”, repetindo sua atuação no remake de 1987. Após um longo tempo no teatro Felissa regressou ao terror em filmes B com “Satan`s Playground”.


Veja: “Acampamento Sinistro”









Quando você pensar na típica gostosa americana a imagem de Glori-Anne invadirá seus pensamentos e com um pouco de sorte não sairá mais. A moça é mais uma modelo que se aventura pelo universo do horror, sendo figurinha fácil nos filmes do SCI-FI Chanel, um canal de TV a cabo que produz seus próprios filmes de ficção e terror; Glori-Anne está sempre explorando seus dotes naturais em cena. Se a loirinha não é exatamente uma excelente atriz ela compensa as coisas ficando nua em cena. Natural do Kansas em 12 de Junho de 1969 ela deixou a terra de Doroty para alcançar o estrelato.





Veja: “A Criatura” (o filme é ruim, mas ela fica nua)





Fuja: “Komodo Vs. Cobra”

Joleigh Fioreavanti

Natural de Nova Iorque, esta atriz nascida em 22 de novembro de 1981 fez diversas participações em séries televisivas até chamar atenção em um despretensioso filme de terror que visava reviver o clima dos anos 80 estou falando de “Terror no Pântano” Joleigh viveu uma atriz que participava de um documentário pornô, em seguida ela atuou em “Intrusos” desfilando nua em uma praia deserta.

Veja: Terror no Pântano

Fuja: Cartada de Risco (ela faz uma ponta)

Katharine Isabelle

A estrangeira do grupo: Katharine nasceu em Vancouver, no Canadá em dois de Novembro de 1981 Isabelle vêm de uma família ligada às artes seu pai fazia os efeitos especiais para a série “Arquivo X” e seu irmão é escritor, ator e diretor. Esta beldade chamou a atenção do mundo ao interpretar com maestria a garota lobisomem da trilogia “Possuída” onde alternou fragilidade, sensualidade e agressividade, sua interpretação lhe rendeu uma personagem em “Freddy vs. Jason”. Atualmente Isabelle está em cinco filmes prestes a estrearem.

Veja: “Possuída” e “Freddy Vs. Jason”  

Fuja: “30 Dias de Noite 2”


Monica Keena
Natural de Nova Jersey, nascida em 28 de maio de 1970 Monica ficou famosa por atuar no seriado Dawson´s Creek, após participações em filmes como “Advogado do Diabo” e “Primeira Filha” Monica foi escalada como protagonista de “Freddy Vs. Jason” e não poderia ser melhor o sucesso comercial impulsionou sua carreira, a moça retornou aos filmes de terror em “A Noite dos Demônios”.

Veja: “Freddy vs. Jason” e “A Noite dos Demônios”

Fuja: Dawson´s Creek


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...