Oito Anos de Os Deuses Mortos

VIII Oito Anos de Os Deuses Mortos

quarta-feira, 26 de março de 2014

Existem Modelos Ficha Rosa?

Antes de tudo vamos esclarecer o que é ficha rosa – a modelo ficha rosa é aquela modelo que aceita realizar encontros íntimos com clientes, ao passo que a modelo ficha branca exerce sua profissão e mais nada. Muito se fala sobre a ficha rosa, como algo mantido em segredo, discute sua existe. Muitos questionam se modelos e dançarinas famosas seriam ou não ficha rosa.
É relativamente comum os homens caírem em cima de modelos em eventos como o salão do automóvel ou em feiras de apresentação de produtos. Até ai temos um homem e uma mulher, já li relatos nas páginas de algumas modelos que estamparam o “A Gata do Mês” indignadas com propostas em dinheiro. Seria este um indício da ficha rosa ou apenas empresários que acreditaram na lenda e tentam comprova-la?
No auge do “É o tchan” as duas Sheilas comentavam, igualmente indignadas, sobre como homens que contratavam o show do grupo procuravam algo a mais em troca de dinheiro. O empresário do grupo também declarava em entrevista que o “algo a mais” dependia delas e não envolvia dinheiro.
Enquanto pesquisava sobre ficha rosa me deparei com um relato da massagista brasiliense “Luna di Maio” sua prima fora em uma agência de modelos, estes lhe perguntaram se ela era ficha rosa ou branca. Adiantando no texto a moça trás a superfície os segredos da ficha rosa: “Algumas grandes empresas só contratam ‘ficha rosa’! o vergonhoso é a diferença salarial a ficha branca (aquela ‘babaca’ que fica rindo a toa mas não FAZ SEXO) é de R$ 70.00 a R$ 150.00 por quatro horas de evento. Já ‘ficha rosa’ recebem em torno de R$ 600.00 a 180.00 pelas mesmas quatro horas”. Para ler o post completo cliqueaqui.
Podemos encontrar no youtube uma reportagem do conexão repórter sobre as modelos ficha rosa. Na matéria fica clara a abordagem voraz dos agenciadores, a exemplo do relatado por Luna as moças recebem promessas de valores mais autos e facilidade em eventos, mais uma vez ficamos sabendo que alguns clientes dão preferência para ficha rosa, os valores também variam a ficha branca recebe em torno de R$ 120.00 por evento “uma merreca” segundo o agenciador, já a ficha rosa recebe em torno de R$ 900.00 a R$ 1000.00 por uma hora e meia de evento veja o vídeo aqui.
A coisa começa a ficar mais delicada (ou mais secreta) quando envolvem nomes famosos. Duas ex-integrantes do “Pânico na TV!” (hoje Pânico na Band) acusaram a existência de prostituição nos bastidores do programa Dani Bolina afirmou que um figurão do programa ameaçava as panicats de demissão caso elas não saíssem com ele, indo um pouco mais além ela chamou algumas de suas colegas de prostitutas. Regiane Brunquell denunciou que em 2007 e 2008 muitas garotas eram assediadas nos bastidores, o diretor Alan Rapp afirma ser um profissional e lidar com as meninas de maneira profissional, sem nunca ter ameaçado ou pago programas. Leia o post completo aqui.
Lista da Baronesa do Sexo
 Algum tempo atrás Miirley, uma cafetina paranaense, também conhecida como baronesa do sexo divulga suposta lista de famosas ficha rosa, na qual temos famosas assistentes de palco, fazendeiras, coelhinhas, funkeiras e vencedoras de concursos como miss bum bum e gata do paulistão. Na época Adré Reginaldo, empresário de Juju, mostrou-se indignado “isso não tem cabimento. A Juliana não tem tempo nem para fazer os trabalhos que lhe são solicitados. Imagina para fazer programa?”.
A fazendeira Nathalia riu da situação e fez pouco da lista, um provável golpe de marketing da baronesa, “Já tinha uma pessoa usando minhas fotos no rio e em São Paulo. O que eu posso dizer de tudo isso? Liga, marca e espera para ver o que vai chegar na sua casa.”.
 Lorena Bueri vencedora do gata do Paulistão disse apenas que irá processar a baronesa pelo uso de seu nome. Não procurei por declarações dadas pelas outras acusadas pela baronesa por acreditar que todas são vítimas de uma estratégia de marketing cafajeste. Em todo caso o Blog está aberto para qualquer uma delas declarar sua idoneidade.
Existe um caso que merece um olhar mais atento a segunda colocada do miss Bumbum Andressa Urach, também conhecida pela noite de sexo que teve com Cristiano Ronaldo, Andressa foi acusada por
Andressa Urash é acusda de ser ficha rosa
Alexandre Frota de ser ficha rosa, o polêmico apresentador declarou: “Um monte de amigo meu já pagou, comeu e é ruim de cama. Já vi neguinho negociando para fazer programa com ela, ‘Vagabunda’, ‘puta’. Ela estava chamando a garota (Barbara Evans) assim, mas ela é assim”.
Andressa Urach afirmou que nunca apresentou-se em casas noturnas fazendo shows e mesmo se tivesse é completamente diferente de prostituir-se. Alisas Vasconcelos, advogado de Andressa, entrou com uma liminar na justiça proibindo que Frota pronuncie o nome da vice colocada do Miss Bumbum afirmando que as acusações de frota seriam injustas. Desde seu encontro com Cristiano Ronaldo Andressa vem sofrendo injurias de ser Ficha Rosa.
Estamos chegando ao final deste post sem uma resposta em definitivo, ao que vemos existem muito mais evidências comprovando a existência de “modelos ficha rosa” do que negando. Mas ainda estamos no escuro quando o assunto são as famosas. Ao que tudo indica a lista da Baronesa do Sexo é um golpe publicitário, mas ainda resta uma evidência não tratada.

A prova da existência de famosas fichas rosa

O jornalista Otávio Cabral relata em seu livro “Dirceu A Biografia”, lançado pela editora Record, um relato onde José Dirceu foi presenteado por um amigo com uma noite de sexo com uma famosa, que trabalha como ficha rosa no ano de 2004.
Um ministro não identificado devia um favor político para Dirceu, na conversa telefônica ele pergunta “’Zé, você vai ficar em Brasília amanhã à noite? Tenho que te entregar aquele presente que prometi’. Dirceu respondeu que sim. Sua agenda andava carregada naquele início de setembro de 2004 (...). na noite seguinte, porém, não tinha compromissos marcados...”.
Este ministro tinha sido indicado por Lula graças a Dirceu “o colega de ministério vinha prometendo o tal presente havia alguns meses, desde que fora nomeado graças à insistência de Dirceu junto ao presidente.”. O autor explica que um representante do governo fica tecnicamente impedido de presentear outro, independente do motivo, pois qualquer bem material poderia ser interpretado como suborno. Assim sendo o ministro teve que ser criativo e presentear o amigo com algo que não deixasse rastros.
O ministro anônimo manteve sua identidade em segredo em troca de seus relatos ao autor, assim o material bruto, relatado em primeira mão é a principal evidência da existência da modelo ficha rosa. Segundo relato este ministro possui um assessor que conhece uma cafetina que agencia famosas ficha rosa: “Conheço uma moça em São Paulo que agencia as melhores mulheres do Brasil. Coisa de primeira, tem até miss Brasil e atriz da Globo”.
Denúncia: Zé Dirceu foi presenteado
 com uma noite de sexo 
com uma ex-BBB em troca 
de favores políticos.
Nas próximas linhas Otávio Cabral relata o contato com a cafetina de famosas ficha rosa, uma das quais seria dada de presente para Zé Dirceu. Segue o relato da conversa do ministro/fonte com a cafetina: “’A novidade é uma garota que participou do Big Brother Brasil e posou nua para uma revista. É imperdível’ respondeu à agenciadora. O preço era salgado. R$ 30 mil, livres de despesas, por uma noite de programa. Dinheiro, contudo, não era problema. Após conferir a disponibilidade do colega, acertou o negócio na noite seguinte”.
O programa agendado entre Zé Dirceu e a ex-BBB em Brasília, segundo o autor do livro a modelo ficha Rosa embarcou na tarde de uma quarta-feira, em um jatinho particular do ministro, no aeroporto Campo de Marte, zona norte de São Paulo e foi para Brasília, onde foi levada para um a suíte presidencial do Hotel Noum Plaza, no 14° andar. Assim que a moça chegou o ministro telefonou para Dirceu “Seu presente chegou. Está na suíte presidencial do Hotel Noum. É só chegar lá e bater na porta”.
“Dirceu seguiu as instruções e encontrou a inesquecível lembrança deitada na cama. Passaria as duas horas seguintes na suíte. Na saída, enquanto esperava seu motorista, telefonou ao ministro para agradecer: ‘Cara, você é maluco? Que presente foi esse? Foi a melhor coisa que eu ganhei na minha vida!”.

Embora o objetivo do livro “Dirceu A Biografia” não seja comprovar a existência das modelos ficha rosa o livro comprova a existência de uma rede de prostituição envolvendo famosas. Lógico que o assessor pode ter exagerado quando falou de misses e atrizes, mas a tal ex-BBB de 2004 é uma modelo ficha rosa agenciada. O preço de R$ 30 mil pode ser auto para pessoas como nós, reles mortais, mas para milionários e políticos corruptos não passa de dinheiro de pinga. 

sábado, 22 de março de 2014

A Cura Não Pode Ser Pior Que A Doença

Em pesquisa encomendada por Eduardo Campos, pré-candidato a presidência da república, constatou que 2/3 da população não querem mais Dilma Rousseff na presidência, porém estariam dispostos a votar nela por falta de conhecimento dos opositores.
Não meus amigos, o titulo a cima não refere-se a Eduardo Campos, não o acho pior que o PT, vejo com bons olhos sua candidatura como terceira força na disputa. O título refere-se a uma notícia vinculada pela folha de São Paulo: Hoje São Paulo, Rio de Janeiro e outras 200 cidades irão realizar “A Marcha Pela família com Deus” – a principal reinvindicação é pedir pela intervenção militar para retirar os políticos corruptos do poder, moralizar os três poderes e reivindicar novas eleições com fichas limpas.
O que estamos vendo é o resultado de duas ações distintas, porém que andam de braços dados: a corrupção dos governos Lula e Dilma; O discurso esquerdista como único detentor dos direitos humanos, da cultura e da inteligência.
O governo Lula entrou para história como o mais sujo e corrupto do Brasil, petistas que outrora se orgulhavam de serem honestos mentem descaradamente e rasgam sua história, jogando sua ideologia na privada enquanto bradam orgulhosos “todos roubam”. Como se fosse justificativa.
Já quanto ao discurso esquerdista como os únicos portadores do conhecimento, da cultura, do humanismo e da consciência social. Se você discorda de qualquer opinião logo é atacado com insultos, gritarias, paus e pedras. Basta fazer uma rápida busca na internet para constatar como as pessoas que pensam diferente do governo, e ousam se pronunciar, são ofendidas.

Tamanha repressão promovida pelos humanitários da esquerda vem saturando uma população que não sente-se representada, aliás sente-se ofendida e perseguida. Eis que a TFP (Tradição, Família e Propriedade) encontra uma brecha para combater o vírus PT. A questão seria o que é pior o PT ou os extremistas religiosos?

quarta-feira, 19 de março de 2014

Shannan Leigh

Shannan (que nome sugestivo) é uma atriz americana nascida em Manhattan a 1 de Fevereiro de 1972, especializada em filmes eróticos, sem cenas de sexo, onde (para nossa alegria) exibe seus belos e suntuosos seios. Entre seus trabalhos encontra-se a divertidíssima sátira a Robin Wood – “As Virgens da Floresta de Sherwood”.
  Não é necessário caçar seus filmes no Google para ver seu corpo perfeito. Basta dar uma olhada nas fotos cuidadosamente selecionadas abaixo:

Cenas de Shannan Leigh:















sábado, 15 de março de 2014

Aproveite o Bolsa família ou Brasil O País dos Parasitas

Para aquelas pessoas que trabalham um mês inteiro para ganhar um mês inteiro para receber um salário mínimo a dificuldade vai para além do cansaço físico. Tais pessoas vivem em eterna preocupação: “como sobreviver”. A situação piora para os aposentados. A aposentada Maria do Lourdes Machado link de 76 anos procura comprar produtos em promoção, economiza energia elétrica, retira remédios em farmácias populares e aqueles que precisa comprar dá preferência ao genérico. Mesmo assim o salário de R$ 724.00 não é suficiente e a aposentada necessita trabalhar.
Sua renda é complementada complementa sua renda com artesanato e a venda de bolos e salgados para festas. Após uma vida inteira este é o resultado, seu descanso é negado. E quanto aos jovens? Como lidar com a realidade em ter que trabalhar como um condenado e nunca poder descansar e nem ficar doente?

Seus problemas acabaram chegou o Programa Bolsa Família

Este maravilhoso programa que beneficia vagabundos, um trabalhador recebe R$ 724.00, já um parasita do bolsa família ganha R$ 852.00 para coçar o saco o dia inteiro, coçar o saco e fazer sexo. Quanto mais filhos maior o seu benefício.
Posso estar sendo injusto, tais pessoas precisam ensinar seus filhos a reproduzirem, ao fazer 18 anos cada um deve ter um ou dois filhos – quanto mais melhor, seria melhor se fossem de quatro a seis filhos, aumenta o benefício.
Você ai, sentado em seu sofá, ficou interessado. Vamos lá, aprenda a se cadastrar:
1)      Procure o setor responsável pelo bolsa família para fazer o cadastro. Pedimos desculpas pelo esforço, mas você terá que sair de casa e nos procurar. Nossas sinceras desculpas;
2)      Apresente um documento de identificação o melhor é levar o CPF, mais uma vez pedimos desculpas, você terá esse trabalho, mas logo ele será compensado. O CPF tem que ser seu, não pode ser um comprado na quebrada;
3)      Uma vez cadastrado você não receberá o benefício assim de imediato, é preciso esperar um pouco (não comecem a fazer filhos ainda) sua família será avaliada pelo honesto Ministério do Desenvolvimento Social;
4)      Muita atenção nessa hora o benefício individual parece pouco, porém se sua família for grande o benefício aumenta, portanto senhores joguem fora suas camisinhas, nada de sexo oral e anal, não se masturbem (por que desperdiçar matéria prima?) senhoras estejam disponíveis, se seu marido não dá conta procure um vizinho, o importante é ter filhos;

5)      Não se esqueçam de votar no PT.

terça-feira, 11 de março de 2014

Como era bom o Nosso Cinema ou Na Época das Pornochanchadas

Atualmente nosso cinema sobrevive à base de comediantes contemporâneos cujas comédias fraquinhas com rostos conhecidos/talentosos atraem uma multidão. Até ai nada de novo ou quase. Nosso cinema sempre teve ponto forte na comédia. Seus tempos áureos foram os anos da pornochanchada.
Considerado um gênero maldito, por especialistas que cospem no prato que comeram. Por anos a pornochanchada carregou o cinema nacional nas costas. Mas qual a diferença entre as comédias de hoje e as pornochanchadas. Para começar a criatividade. As comédias de hoje parecem uma produção em massa, todos os filmes são iguais .
As pornochanchadas tinham que driblar a censura e a falta de recursos, assim como o preconceito dos recalcados de plantão. Vejam o exemplo de “O Bem Dotado – O Homem de Itu”, ícone das pornochanchadas, não existe uma única cena de sexo, ouvimos a atriz gritando “mamãe” e a mesma mancando após experimentar o membro avantajado do ituano – é um humor que beira a inocência pela maneira lúdica como a sexualidade é representada.
Outro fator é o cultural - comédias como “Se eu Fosse Você” são apenas comédias “sessão da Tarde” recicladas. É chamar o público de idiota – já vimos esse filme muitas e muitas e muitas vezes. As pornochanchadas abraçavam a cultura nacional, traziam conflitos culturais, criticavam o puritanismo como “Os Bons Tempos Voltaram” Soninha (Carla Camurati) finge estar doente para encontrar o namorado, sua tática para aquecer o termômetro é incrível, a moça o coloca na vagina. A cena em que seu pai cheira o termômetro é hilária. Algo impensável em nosso cinema atual.
A grande diferença fica na malícia as comédias atuais possuem pôsteres sensuais como “Agamenon – O Repórter” os “Os Penetras”. Mas acaba por ai, todas as piadas são politicamente corretas, feitas na medida para agradas a nova censura. A malícia da Pornochanchada começava pelo título satirizando grandes produções “O Bacalhau” ou “Nos Tempos da Vaselina”.
Nos Tempos da Vaselina
As tramas envolviam assuntos sexuais, sempre havia uma mocinha virgem que atiçava os homens, um garanhão ingênuo e até apaixonados não correspondidos. Com ótimas saídas a censura proibia o sexo. Em “O Homem de Itu” uma mulher acabara de fazer sexo e estava sentada sentindo as dores do coito, um mordomo aproxima-se e segue o diálogo:
-          O que aconteceu?
-          Não estou me sentindo bem.
-          Foi comida?
-          Fui.

Tal trocadilho seria criticado pelos nossos censores. Atualmente toda nudez é criticada, mesmo com o chumbo da ditadura havia nudez frontal feminina, as bundas, verdadeiras obras de arte, eram adoradas. Galãs eram explorados para o público feminino. Hoje? O público que lota as salas de cinema é muito limpinho, nudez é vista na Internet.

Quer conhecer mais sobre esse tempo áureo do nosso cinema? Vão algumas dicas:

Nos Tempos da Vaselina: O caipira Onofre vai ao Rio de Janeiro encontrar seu primo Paulinho. Enquanto os dois curtem a cidade maravilhosa, Onofre conhece os amigos de seu primo e após várias confusões ele acaba transando com Dadá e a paquera de seu primo. Assim Onofre ganha fama de bom de cama e logo todas as mulheres querem transar com ele. Filme com a musa das pornochanchadas Adelle Müller.



As Seis Mulheres de Adão Seis mulheres reúnem-se para falar de Adão, um conquistador que seduziu, comeu e abandonou todas elas. Enquanto narram suas histórias as seis rejeitadas decidem se irão colocar em prática sua vingança: castrar Adão – interpretado por David Cardoso, o rei da Pornochanchada.

  

Os Bons Tempos Voltaras – Ivan Cardoso (sem parentesco com David) e John Herbert, dois grandes diretores da pornochanchada, unem-se para criar este filme, dividido em duas
histórias, na primeira Soninha finge estar doente para não ir a praia com sua família e ser desvirginada pelo namorado. As coisas não saem como todos imaginam. O segundo episódio – chamado “Primeiro de Abril” ridiculariza o golpe militar Roberta visita seu primo, que mora com seu avô, um general reformado do exército que aguarda o golpe militar. Roberta o provoca e faz uma festa em sua casa e ainda tira uma casquinha de seu primo.
Com Carla Camurati, Pedro Cardoso, Alexandre Frota, Andréa Beltrão, Marcos Frota e Taumaturgo Ferreira.




sábado, 8 de março de 2014

Os Censores da Internet ou Ataque ao Olavo de Carvalho



“Esquerdopata” é um termo criado por Reinaldo Azevedo, para criticar extremistas. Eis sua definição: “É o esquerdista patológico, disposto a eliminar os severos monstros da dominação ideológica que ainda assombram o seu sono. O principal deles é a imprensa, que ele chama de ‘mídia’”.
A definição é muito boa, todos nós (em algum momento da vida) conhecemos alguém assim é aquele cidadão que clama pela igualdade, mas agride quem pensa diferente. Algumas semana atrás no programa “Linha de Passe” o jornalista Juca Kfouri – um notório esquerdista, a quem admiro muito leu um e-mail questionando se ele estava processando o filósofo Olavo de Carvalho, sua resposta foi sincera e confusa “não”, Juca não via motivo para processar o professor. José Trajano interveio. Seguiu-se o seguinte diálogo:

-          Ele merecia ser processado.
-          Por que?
-          Pelas suas ideias ele mereceria um processo.
-          Não vou processar alguém que pensa diferente de mim. Aliás, já o entrevistei aqui (na ESPN).

Juca, refinado e inteligente como sempre, deu uma aula de democracia – alguém que combateu a ditadura não pode ter uma atitude ditatorial e censora. Seu amigo, José Trajano – outra figura que adoro – calou-se, reconhecendo humildemente seu erro. Em um silêncio resignado ele reconhece a sabedoria de Juca.
 Semana passada o filósofo Olavo de Carvalho teve sua página no Facebook invadida por pessoas que pensam diferente dele. Essas pessoas retiraram sua página do ar. O filósofo conseguiu restituir sua página e enviou e-mails para seus amigos pedindo para que estes avisem seus leitores.
Anteriormente Olavo já vinha recebendo ataque
dos mesmos esquerdistas revoltados foi quando Marco Feliciano (alguém que Olavo criticou por suas ideias de combate aos gays) denunciou esse ataque. Mesmo tendo opiniões divergentes Feliciano é muito mais humanitário do que estes esquerdistas que atacaram Olavo.
Olavo é um direitista, às vezes um tanto radical, porém seu radicalismo fica restrito ao campo das ideias, nunca o vi clamando pelo silêncio de seus adversários ideológicos. Olavo convoca aqueles que pensam como ele a se manifestarem e conquistarem seu espaço. Um direito de qualquer um.
Os esquerdopatas são diferentes eles não prezam um debate prezam o combate, ignorando as pessoas e seus direitos os esquerdopatas impõe suas ideias na base do grito, da violência e da censura – que nome devo dar ao ato de tirar uma página do ar apenas por não concordar com seu conteúdo? A esquerda que gosta de exaltar como luta pelos direitos humanos deveria ser mais humana ou pelo menos por em prática suas ideias.


Segue a carta de Olavo de Carvalho alertando da censura sofrida:

Tão logo o deputado Marco Feliciano denunciou na Câmara a campanha de assassinato de reputação que eu vinha sofrendo, a militância do crime, decerto mobilizada por alguma Excelência em pânico, mudou de tática e passou a tentar bloquear a minha conta no Facebook para que, diante do assalto multitudinário à minha pessoa e à minha honra, não me restasse nem mesmo este miserável e último recurso de defesa que é espernear na internet.
O ardil consiste simplesmente em entrar na minha conta desde um IP qualquer que não seja o meu, acionando automaticamente o Facebook para que bloqueie a conta e inicie um procedimento de verificação.
Tentaram isso ontem usando um IP registrado numa cidade da Índia.
Como eu consegui restaurar a conta, aperfeiçoaram o sistema. Fornecem ao Facebook, não sei como, um número de telefone falso ou imaginário (hoje foi +33 7 87 16 56 82), de modo que o código para restauração da conta é enviado a esse número e não chega jamais a mim. Assim, torna-se impossível reativar o acesso à minha página.
A coisa é de uma sordidez que desafia a imaginação. Se quer saber, nem mesmo me surpreende que apelem a esse recurso, ou talvez, mais tarde, a outros mais abjetos ainda. A mentalidade dessa gente faria os porcos vomitarem, se lhes fosse servida no cocho.
Ainda não sei bem o que fazer diante desse descalabro, mas creio que solicitar um inquérito à Polícia Federal não seria má ideia. Tentarei fazer isso.

terça-feira, 4 de março de 2014

Liliane Lima

Liliane é uma modelo profissional que já foi garota fotosurf, musa do São Caetano no “Garota Torcida Série B” e musa do Guaratinguetá no “Gata do paulistão”, foi contratada do SBT para o quadro “Rola ou Enrola” tudo isso com apenas 27 anos... ufa!
Lili, como gosta de ser chamada, não é apenas linda simpática e versátil a moça consegue fazer de quase tudo, ela é sexy sem ser vulgar, “reinvento-me sempre que a vida pede um pouco mais de mim. Sou complexa, sou mistura, sou mulher com cara de menina... e vice-e-versa.
 Vou cansar de escrever que Liliane é linda, mas não tem outra forma, ela explica sua beleza de forma poética: “sou pessoa de dentro pra fora. Minha beleza está na minha essência e no meu caráter. Acredito em sonhos, não em utopia. Mas quando sonho, sonho alto”.

Gostou da moça? Para conquista-la o homem deve “me agradar muito”, mas não é tão simples a moça usa uma citação de Machado de Assis para explicar que as mulheres são como maças, as melhores estão no topo e são difíceis de alcançar e o homem deve ser corajoso e forte para subir e colhe-las.





















  






Perfil:
Altura: 160 cm
Busto: 95 cm

Cintura: 63 cm
Coxa: 60 cm
Quadril: 90 cm














"Os Deuses Mortos" Oito Anos

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...