VIII Oito Anos de Os Deuses Mortos

VIII Oito Anos de Os Deuses Mortos

sábado, 30 de janeiro de 2016

Análise do Novo Trailer de “Esquadrão Suicida”



O primeiro trailer deu uma ideia de como seria o filme, sombrio e louco, esse segundo melhorou a ideia o novo trailer mostra que a loucura e o caos regem “Esquadrão Suicida” com uma pitada de humor. Sem revelar segredos da trama dá indícios de como Margot Robbie (Arlequina) deve roubar o filme e os três atos da película.

Se o primeiro trailer tinha ar sombrio e doentio o segundo vem ao som de “Bohemian Rhapsody” do Queen tornando as coisas ainda melhores. Uma rápida apresentação das personagens com descrição genérica mostra como os vilões são reunidos. A trilha sonora trás a anarquia contida na formação de uma equipe só com vilões, inexistente no primeiro trailer.

Outra diferença é o humor. Muito bem colocado, no timing certo principalmente da Arlequina, o Coringa continua sombrio e assustador, mas a “Arle” está meiga, bela e despirocada ponto para o diretor (David Ayer) mantem a fidelidade da personagem e para Margot que encarnou a personagem.

Fica claro que estamos vendo um trailer de uma adaptação da DC Comics temos um pistoleiro (Will Smith) angustiado, vendo a chuva cair melancolicamente pensando em sua vida que foi e não volta, o Crocodilo está assustador, o capitão Bumerangue (Jai Courtney) é o Wolverine que o cinema sempre tentou, mas nunca conseguiu traduzir – selvagem e violento. Ele é a maior surpresa do trailer candidato a ser uma das personagens mais populares.

O trailer comprova algumas teorias:

Rick Flag (Joel Kinnaman) comanda o esquadrão ele é o único não vilão do grupo e está na missão suicida para impedir que eles saiam do controle.

O Coringa (Jared Leto) não é um protagonista, mas é importante no filme, sua aparição no trailer trás cenas novas ele não servirá apenas para mostrar a origem da Aelequina. O trailer trás a ideia do filme ser dividido em três partes: Origem e recrutamentos dos vilões; confronto envolvendo o Coringa e a verdadeira ameaça do filme – as cenas urbanas.

Muitos acreditam que a grande ameaça do filme é a Magia (Cara Delavingne) prestem atenção nas cenas urbanas, o terceiro ato do filme, a Magia não aparece. Poderia ser ela a grande vilão ou estar sendo usada pelo vilão. Uma das cenas mais comentadas é daquele ser sendo atingido pelo trem. Claramente é um ser mágico, talvez ser mais poderoso ou que se apropriou da bruxa que a possui.

Ainda na Magia o primeiro trailer mostrava Rick Flag em um romance com uma loira, muitos acreditavam que seria a Arlequina, mas é a Magia, antes de ser possuída, mais um ponto a favor dela ser a vilã após ter se descontrolado.

O trailer foi apresentado em um evento da DC filmes o diretor afirmou que esse coringa fez homenagem ao passado, sem esquecer de trilhar um novo caminho – ele parece uma mistura do Coringa setentista (espalhafatoso) com o coringa dos anos oitenta (o assassino psicopata), já Zack Snyder, diretor de “Batman Vs. Superman” disse: Ninguém está preparado para este Coringa”.

Assista o trailer aqui.  

terça-feira, 26 de janeiro de 2016

Lunar Edonae



Já existe um post sobre “Seto no Hanayome” no blog, o qual você pode ler aqui, por isso não vou me estender em apresentações – A Noiva de Seto (em tradução literal do título) é um dos animes mais engraçados da história da animação onde um rapaz absolutamente comum é salvo por uma sereia o detalhe é que a menina-peixe pertence a uma família yakuza e segundo a lei dos sereios um dos dois deve morrer. Como alternativa o rapaz se casa com sua salvadora.

Pois bem esse post é dedicado a Lunar, o mais próximo de uma vilã que esse anime possui, a protagonista e sereia salvadora chama-se Sun Lunar é sua amiga de infância de Lunar ou quase – o nome das duas evoca antagonismo existente sol e lua, dia e noite, delicadeza e raiva, por ai vai.



Lunar X Sun



Lunar é filha única do clã Edonae, uma família yakuza, desde pequena a menina aprendeu que a voz é a alma das sereias e apresentava-se diante de outros clãs cantando bonitinha e talentosa ela chamava atenção mas sempre era derrotada por Sun.

Sentindo-se humilhada Lunar guardou rancor por anos e usou seus sentimentos para tornar-se cantora profissional, ao atingir o primeiro lugar no ranking musical a garota prepara sua vingança – visitar Sun e esfregar na cara dela seu sucesso. Para seu desespero Sun lhe dá os parabéns e fica feliz pela amiga. Sim, Lunar é bem infantil.

Qual sua surpresa ao descobrir que Sun estava casada com Nagasumi e para piorar o rapaz viu nossa vilã como sereia, Lunar entende que Sun roubou seu momento e esfregou na cara dela algo que lhe falta (que menina complicada) furiosa resolve transformar Nagasumi em seu escravo! Acrescente escravagista a crescente lista de qualidades dela.

As coisas pioram quando Lunar matricula-se na mesma escola promovendo o ódio dos outros alunos contra Nagasumi, a final ele tem atenção de Sun e dela passando a ser visto como um conquistador, como consequência os fãs de Sun e os fãs de Lunar declaram guerra  – no Japão é relativamente comum meninas muito bonitas possuírem fã clubes em seus colégios, em geral homens que as admiram a distância e não tem coragem para se declararem.

Rapidamente os estudantes entram em guerra transformando o colégio em um deserto pós-apocalíptico no melhor estilo “Mad Max”a coisa sai de controle e ela quase inicia uma guerra entre os clás Seto e Edonae. A solução encontrada pelo casal é um duelo musical. E assim temos um dos melhores episódios do anime.

Durante o show Sun e Lunar se igualam, não satisfeita nossa estrela canta a “canção da guerra” basicamente ela leva os fãs das suas a entrarem em confronto. Não vou dar spoilers, quem quiser saber o que aconteceu que assista o episódio oito do anime.

Após o duelo musical as duas garotas se entendem, Lunar se convida para morar com eles e acaba “sendo adotada” pela mãe de Nagasumi. Isso não quer dizer que a rivalidade acabou, mas no fundo ela gosta de Sun e de seu marido a quem segue chamando de escravo.



Lunar



Lunar em momento duas caras
Lunar é uma vilã? Muito difícil de ser respondido definitivamente ela não é má embora radical em algumas opiniões. Ao tempo em que a garota é a maior duas caras dos animes na frente das câmeras e de seus fãs ela é gentil e meiga, chora a toa, é amigável e fofa todos a amam de imediato já na intimidade lunar revela-se invejosa, agressiva, autoritária, mentirosa e manipuladora. Ela faz a Asuka de Evangelion parecer uma santa.

Uma verdadeira menina mimada com poder ostentando aquela habitual risada de vilão de animes Lunar se solta após ir morar com Nagasumi e Sun e não se preocupa tanto em ostentar seu lado falso dando esporros em públicos e pisoteando os “países baixos” do rapaz.

Ao mesmo tempo ela seduz Nagasumi de várias maneiras possíveis tentando provar sua superioridade sobre Sun – seus momentos sensuais são alternados com humilhações e tortura – o pobre rapaz é amarrado, apanha e deve lamber seus pés!

Outra maldade da garota consistiu em roubar o marido de sua melhor amiga a cantora seduziu Nagasumi apenas para vencer Sun, valendo-se de um mal entendido – a menina transformou-se em seria e “seu escravo” prontificou-se em seca-la, assim que sua calda voltou a ser pernas o pai da menina vislumbra a cena  “ele estava brincando com seu traseiro Lunar”. É um autentico ou casa ou morre.

Mais uma vez Nagasumi teve que escolher entre casar ou ser morto, Lunar prepara-se para vangloriar-se, mas ao ver sua amiga arrasada o remorso correi o coração de Lunar. A sereia grita ordens: “me ame” o que não funciona direito. No
final sua consciência fala mais alto.

No fundo Lunar não odeia Sun a filha do clã Seto possui tudo que a cantora não tem: sua mãe abandonou a família muitos anos atrás e Lunar não lembra de seus rosto, já seu pai é um ciborgue incapaz de demonstrar emoções o que ela interpreta como descaso enquanto Sua rival possui uma família feliz.





O pai de Lunar



Imaginem um T1000 (personagem de Arnold Schwazzeneger em “O Exterminador do Futuro”) loiro e ciumento esse é o pai de Lunar ele é o protótipo de pai coruja e chega a infiltrar-se na escola de sua filha para vigia-la.

Sun não se dá bem com seu pai, e inveja a boa relação de Sun com seu pai, calado e estranho (só ele né?) o homem não consegue expressar seus sentimentos de amor para com sua filha e o mesmo acontece do outro lado.


O pai dela chega a se vestir de colegial e frequentar a escola para cuidar de sua filha o que mata Lunar de vergonha e aumenta a raiva de seu pai – no decorrer do animes os dois conseguem, com ajuda de Nagasumi, expressar o que sentem é quando descobrimos por que Lunar inveja tanto Sun.

Tudo que a menina quer é o amor de seu pai, que a ama, mas não sabe como dizer, a família de Sun é excessivamente passional já o mundo de Lunar é frio ou era, até mudar-se para casa de Nagasumi e encontrar uma mãe amorosa. 


sábado, 23 de janeiro de 2016

Clair Meek



Essa linda morena saiu do Reino Unido para conquistar olhares de desejo pelo mundo, aos 27 anos ela possui uma carreira consolidada em 2007 foi finalista do concurso High-Street Honey e desde então vem conquistando fãs.

Clair estourou nos noticiários esportivos quando revelou seu caso com o jogador da seleção escocesa Allan McGreggor o jogador prometera largar sua esposa para ficar com ela e nunca cumpria sua promessa, cansada de ser enrolada a moça botou a boca no trombone. Nuca duvide de uma baixinha.

Escândalos a parte a moça é linda, dona de uma beleza natural destaca-se pelos seios protuberantes e a expressão ingênua.



Altura: 157 cm

Busto: 89 cm

Cintura: 65 cm

Quadril: 86 cm








terça-feira, 19 de janeiro de 2016

O Impeachment é o melhor para o Brasil?



Antes mesmo de Lula assumir pela primeira vez a cadeira da presidência da república Reinaldo Azevedo cunhou uma de suas frases mais famosas: “Tudo que é bom para o PT é ruim para o Brasil” – chamado de exagerado e radical o tempo provou que ele estava certo.

Chegamos a 2016 com impasse político Dilma se segura como pode tentando cumprir mais três anos de governo, seu vice, Michel Temer, mostra-se animado com a possibilidade de presidir o Brasil, a Câmara dos Deputados está desorganizada e contra a presidente, já o Senado sinaliza para a presidente graças a acordos.

Resumindo o país não tem governo, a crise deve se agravar antes de melhorar, a inflação e o desemprego vão chegar a dois dígitos em 2016 a situação só começa a melhorar em 2017 mesmo assim muito timidamente. Nesse cenário pergunto o que é melhor para o Brasil: o impeachment ou Dilma ficando até o fim do mandato?



A curto prazo o impedimento de Dilma é melhor – com a saída do PT Temer assume já com um plano de governo alternativo e melhor, os empresários acenam para o vice, a tendência é que o dólar caia e a economia se estabiliza mais rapidamente enquanto o partido da estrela sai do governo desmoralizado.

Nesse cenário temos dois fatores contrários que ameaçam o Brasil em longo prazo: o PT e seus seguidores gritam para quem quiser ouvir que o impeachment é golpe, o discurso ainda não colou, mas o tempo é sempre impreciso e três anos é muito tempo para o departamento de marketing trabalhar. Lula (ou algum petista predestinado) pode chegar a 2018 como vítima e todos estão vendo como petistas vestem bem essa personagem.

O segundo fator é o mais provável: supondo que o PT não consiga se reestruturas existe uma candidata que vem a algum tempo vestindo a camisa da “nova forma de fazer política” e sem o PT ela assumiria o discurso da esquerda, sim falo de Marina Silva com um partido cada vez mais estruturado e uma história de vida sofrida ela pode chegar à presidência falando as mesmas bobagens que Lula explorando a pobreza do país.

 

A longo prazo o impedimento de Dilma pode ser melhor – se Dilma não sair a situação do Brasil dificilmente irá mudar, com a inflação e o desemprego avançando programas sociais começam a ser cortados – as três ultimas campanhas do PT foram feitas em cima do medo e agora Dilma começa a fazer exatamente o que alardeou que Aécio e Marina fariam se eleitos.

Nesse cenário o PT se enfraquece em sua principal base os mais pobres e os aproveitadores, perdendo essa boquinha os eleitores se afastarão do partido a tendência é que o PT torne-se terra arrasada o que seria ótimo para o Brasil, não só pela falência do partido como o enfraquecimento do discurso esquerdista que começa a ser varrido da América Latina.



Quem leu com atenção percebeu que meu post começou com uma pergunta e terminou sem uma resposta em ambos os cenários temos boas e más possibilidades cabem a cada um de nós refletirmos e decidir qual a solução preferida.

"Os Deuses Mortos" Oito Anos

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...